Notícia SUAS, FASPG 1 semana atrás

Dez instituições serão beneficiadas com entrega de quase dez toneladas de alimentos para a FASPG


por Alessandro Stachak em 24 de março de 2020

A Prefeitura comprou alimentos dos feirantes sob a coordenação da SMAPA, que os entregou à FASPG
 
A Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SMAPA) entregou na manhã deste sábado (21) aproximadamente 10 toneladas de alimentos à Fundação de Assistência Social de Ponta Grossa (FASPG). Os insumos foram comprados dos feirantes do município pela Prefeitura e servirão para abastecer dez instituições da cidade.

Os produtos entregues para a FASPG seriam vendidos na feira do produtor, que aconteceria neste sábado, na rua Benjamin Constant. A decisão de comprar os alimentos foi anunciada na sexta-feira (20) após a definição do prefeito Marcelo Rangel de suspender as atividades da feira do produtor, como forma de evitar aglomerações e diminuir o risco de contágio do coronavírus.

Para evitar que os produtores saíssem no prejuízo, a Prefeitura decidiu comprar os produtos que seriam comercializados e doá-los a entidades beneficentes e hospitais da cidade. A SMAPA orientou os feirantes a levar até a FASPG todos os alimentos que seriam doados. Lá, a equipe da secretaria fez a contagem e organizou os insumos para que a FASPG doasse posteriormente às entidades escolhidas para serem beneficiadas.

24 feirantes participaram da ação. Cerca de dez toneladas de alimentos foram entregues para a FASPG, incluindo verduras, frutas, pães, mel, carnes, geleia e queijo. Conforme a presidente da FASPG, Simone Kaminski, ainda neste sábado e durante os próximos dias, a Fundação distribuirá os insumos para o Lar Guilherme Cavina, Asilo Paulo de Tarso, Casa de Acolhida, Asilo São Vicente, Hospital Regional, Hospital da Criança, Pronto Socorro, Asa Costa Rica, Instituição Fabiana de Jesus e ONG Mais Amor.

“É muito importante essa união das pastas em prol dos mais necessitados. As equipes estão empenhadas desde às 7h em conseguir esses alimentos para entregas aos hospitais e às entidades assistencialistas. Esse é um momento em que precisamos ter um olhar especial aos mais vulneráveis e vamos nos empenhar em trabalhar para que eles não fiquem desassistidos”, ressalta Simone.

O secretário da SMAPA, Bruno Costa, esteve presente na ação de compra e de entrega dos alimentos. Para ele, além de a iniciativa ajudar a população vulnerável, auxilia também os feirantes, que conseguiram vender todos os produtos, sem obter prejuízos com o decreto de cancelamento das feiras.

“Os agricultores são essenciais neste momento porque são eles que garantem boa parte do abastecimento da nossa cidade. Nesse tempo de crise, a questão do abastecimento é uma preocupação em todos os lugares, mas nós da secretaria vamos nos reunir para pensar formas de garantir que a população tenha acesso a alimentos saudáveis e de qualidade, principalmente aqueles que mais precisam. Também vamos definir formas de evitar que os produtores percam os alimentos que estão em ponto de colheita na lavoura, a fim de minimizar prejuízos”, destaca Bruno.

Por Andressa Zaffalon Fonte: http://www.pontagrossa.pr.gov.br/node/46237


photo_camera Galeria de fotos:


comment Comentários:




language Notícias relacionadas: